ESTRELAS NO POÇO ♥




Acredite!
Mesmo no fundo do poço você pode ver estrelas...

Se você, por acaso, cair em um poço durante o dia, olhe para o céu e, em alguns instantes, será capaz de enxergar as estrelas.Você pode não acreditar,mas isso é um fenômeno cientificamente provado. O próprio poço,na sua densa escuridão,fará com que você enxergue além do que é permitido ver à luz do dia.Se você se encontrar em tribulação,em sofrimento,em um poço escuro,olhe para o Senhor Jesus!Você,então,começará a ver o que não via antes;perceberá que há proveito na tribulação,perceberá que,mesmo ocultamente,o Senhor está ali com você.Se o Senhor permitir que você caia em um poço,não se desespere.
Ali você poderá ver as estrelas enquanto aguarda o livramento de Deus."(Editora Árvore da Vida)

O que você procura?

Somos morada do Senhor!



Crescemos para santuário do Senhor, e somos edificados para a habitação de Deus no espírito. Nosso coração é a habitação de Deus. Ele inclui a alma do homem (mente, vontade e emoção) e mais a consciência, que é uma parte do espírito humano. Quando falamos do coração, não nos referimos ao coração físico. O coração de que estamos falando é aquele composto da alma mais a consciência, e ele é para Cristo habitar. A palavra habitar significa fazer morada permanente. Desta forma Cristo faz Sua morada em nós. Efésios 3:17  diz: “E assim habite Cristo nos vossos corações”. De acordo com o versículo 16 quando somos fortalecidos no homem interior, então o Pai, o Filho e o Espírito habitam em nossos corações. Às vezes viajamos e somos hospedados da melhor maneira possível em casas de irmãos mas é algo temporário, e não nos sentimos tão à vontade como em nossa casa, porque a nossa verdadeira casa é onde fazemos morada. Cristo não é um hóspede temporário e sim um morador; Ele mora em nós. Ele é o nosso dono, o dono da casa. Ele não veio para viver um espaço de tempo em nós, mas para morar para sempre em nós. Tornamo-nos a habitação de Deus. O Senhor Jesus, como o morador, quer dominar todas as partes, ou seja, consciência, mente, vontade e emoção. Nós não somos o nosso amo, trocamos de amo, e agora Cristo é o nosso amo. Os nossos pensamentos, emoções e vontades são de Cristo. Assim, seremos arraigados e alicerçados em amor. Cada vez mais precisamos aprofundar-nos no Senhor, a fim de podermos compreender com todos os santos a largura, o comprimento, a altura e a profundidade do amor de Cristo. Somente com tal coração podemos sentir o amor de Cristo. Ele é imensurável, tão grande e é indescritível. Paulo esgotou todo seu vocabulário para descrever o amor de Cristo. Notem estas quatro palavras: largura, comprimento, altura e profundidade. Qual é a largura da largura, o comprimento do comprimento, a altura da altura e a profundidade da profundidade? Cristo é imensurável e ninguém pode medi-Lo. Todavia, Ele vive dentro de nós. Ele quer encher-nos, quer que sejamos tomados de toda a plenitude de Deus. Somos a habitação de Deus no espírito, e Cristo por meio do Espírito já mora em nós. Ele nos quer encher Consigo mesmo. Isto nos faz crescer em vida e todos juntos somos edificados na igreja.
A igreja é a casa e a família de Deus. A igreja é a habitação de Deus no espírito. Cristo habita dentro de nós. Ele é o rei do reino dos céus. Agora, o reino dos céus foi trazido para dentro de nós e deixamos Cristo ser o nosso rei. Já não temos mais nossos direitos, nós os cedemos ao Senhor e Ele nos domina. As leis terrenas não mais nos controlam, mas temos em nosso interior o Cristo que tem autoridade sobre nós. É Ele quem nos governa. Quando erramos, Cristo, em nosso interior, nos corrige. A igreja é a habitação de Deus no espirito. Graças ao Senhor.
(Dong Yu Lan)


Nenhum comentário:

Postar um comentário