O que Deus uniu.


Alguns cônjuges costumam se queixar a Deus, dizendo: "Senhor, antes de me casar eu orei tanto! Por fim, Tu me disseste que era Tua vontade que me casasse com essa pessoa, que ela era a que tinhas preparado para mim. Senhor, pela Tua soberania, Tu providenciaste para que nos uníssemos. Mas olha para a situação atual. Olha para essa pessoa que Tu me deste. Afinal, Tu erraste ou eu errei?"
    Nem o Senhor nem você erraram. Esse é o teste do Senhor. Nada acontece aos filhos de Deus sem Sua permissão soberana. Sabemos que todas as coisas cooperam para o bem dos que amam a Deus (Romanos 8:28). Por isso devemos aprender que todo casamento sob a soberania de Deus é correto. 

Aqueles que não reconhecem isso, após alguns anos de casados, concluem que cometeram um erro e que, se pudessem fazê-lo de novo, o fariam diferentemente. Podemos assegurar-lhe que, mesmo se pudesse fazer de novo muitas vezes, você ainda não se sentiria realizado. Quase todos aqueles que estão para se casar sentem que fizeram a escolha certa, mas após algum tempo de relacionamento conjugal, pensarão que cometeram um erro. A razão para isso é que Deus usa a vida matrimonial como mais um teste para nós. Se aproveitarmos cada teste e virmos, em cada um deles, uma oportunidade para nos aproximarmos mais do Senhor e desfrutarmos Sua graça, nossa vida matrimonial será profunda e rica em experiências com Ele.

EDITORA ÁRVORE DA VIDA/Todos os direitos reservados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário